sábado, 30 de agosto de 2008

Gnothi Seauton (da maneira mais fácil)


Origem da imagem

Quantas vezes matutamos acerca do que os outros realmente pensam de nós. Talvez não o admitamos à boca cheia, talvez digamos que pouco isso nos importa. Mas, a mais pura das realidades é que, por vezes, nos nossos celsos momentos de introspecção caseira, colocamos, mesmo que fugazmente, essa dúvida primária.


Alguns caem na esparrela de apanhar um amigo e, quando ele não tem hipótese de fuga, fazer-lhe a pergunta com o ar mais angelical do mundo: “Sinceramente, o que pensas de mim? Vá lá, sê sincero que eu não fico chateado…” Das duas, uma: ou o desgraçado é perito em diplomacia e consegue dar uma resposta que nos satisfaz e nem sabemos porquê, tal a demagogia que usou, ou, se ele é mais ingénuo que o Forrest Gump, e diz o que realmente pensa, fazemos o melhor sorriso amarelo que sabemos e agraciamo-lo mentalmente com uma enorme colectânea de maldições.


Assim, para evitar essas duvidas cruéis, mas inevitáveis; para evitar perder amigos sinceros, fizeram-se os testes de personalidade. No anonimato podemos ter algo que funciona como um espelho falante, a quem colocamos as perguntas incómodas e toda a gente sai a ganhar. Mesmo que não gostemos das respostas, sempre podemos pensar: “isto é tão estúpido! Só faço para me divertir…”


Nesta linha de raciocínio, andei a fazer um destes testes. Talvez dos mais profundos e elaborados que já encontrei. A questão sublime era: Se fosse um animal, qual seria? É incrivelmente atractivo, não é? (Devem por este andar, estar a imaginar o interessante que a minha vida anda neste momento, não é?)


Bem, a resposta não sei se é boa ou má. Este teste informou-me que eu sou uma coruja!!!


Mau, não deve ser. Já vi corujas muito bonitas, algumas até embalsamadas e que ficam bem numa casa. Mas, dizer que é a resposta que esperava… Imaginei-me com aqueles olhos grandes a olhar as pessoas e a dar um grito de vez em quando, já para não falar da emocionante vida nocturna que poderia desenvolver.


Bem, adiante! Se alguém tiver esta curiosidade pode ir aqui.


Sempre fica mais informado de como é visto pela fauna circundante.



9 comentários:

Catatau disse...

Olha, a mim também me deu coruja! Não me identifico quase nada com o animal, mas acho-o simpático. Voltei atrás, alterei duas respostas que estava em dúvida e deu-me borboleta, rsrsrsrsr.
Resumindo: sou uma coruja pronta a saltitar de nenúfar em nenúfar.

Ophiuchus disse...

o raio do teste está viciado: ou somos um bando de corujas introspectivas e nocturnas, ou há mais animais no mundo que poderiam ser seleccionados para estes resultados (eu queria a tartaruga!)

pinguim disse...

Bem, aquilo deve estar infectado de corujas, pois está aqui mais uma; estou tentado em ir lá de novo e dar as respostas ao contrário, só para ver...
Abraço.

Arion disse...

Não está viciado, nada. Deu-me formiga trabalhadora... LOL!

Special K disse...

Não se esqueçam que a coruja pode não ser dos animais mais atractivos mas nas antigas fábulas é sempre considerada como um animal de grande sabedoria e inteligência.
Um abraço.

Socrates daSilva disse...

Catatau,
Que mistura!
Uma borboleta corujenta ou uma coruja borboletante???
Abraço


Ophiuchus,
Tartaruga, hem…!
Para dares uma lição ás lebres?
Abraço


Pinguim,
As corujas unidas jamais serão vencidas!
Abraço


Arion,
Até que enfim que alguém arranja um animal como deve ser…
Abraço


Special k,
Tens toda a razão.
(Também te saiu a coruja?)
Abraço

Special K disse...

Não sei porquê ontem não consegui abrir o site. Hoje fiz o teste e deu cachorro.
Afinal não está viciado.
Um abraço

Paulo disse...

antes de mais aviso que eu sou uma tartaruga... quanto ao real teor da entrada, eu penso muito na imagem que os outros têm de mim, mas não costumo lançar essas perguntas angelicais :)) já agora, eu adoro corujas e detesto pessoas que fazem perguntas angelicais (fico sempre nessa dúvida entre ser mesmo sincero e simpático)! as pessoas gostam mais do simpático, de ouvir o que lhes agrada, ou seja, mais vale estar calado.

abraço

Socrates daSilva disse...

Special k,
Oh, que lindo…
:-)
Espero que sejas um pastor alemão. São espectaculares!
Abraço!


Paulo,
Uma tartaruga é melhor do que ser um cágado!
As perguntas angelicais, meu Deus! Olha eu mesmo amuando um pouco, valorizo mais as respostas sinceras. Verdade!
Abraço!