quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Os primeiros





Ao ver este cartoon lembrei-me dos meus amigos. Os primeiros. Os da rua, os da escola. Que saudades tenho deles!
Saudades das brincadeiras sem horas e sem cansaço, saudades de como começei a conviver em grupo.
Saudades da apanhada, da cabra-cega, do pião, das caricas e dos cromos. Saudades de cair e esfolar os joelhos, de andar á pedrada e fugir dos vizinhos a quem partimos as plantas com a bola.
Saudades da minha infancia.
“Nostalgia de tanta inocência / que tão pouco tempo durou” citando a canção de Luz Casal, “Entre Mis Recuerdos”.
Também recordando a Álvaro de Campos: “Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira! ...”


Que estará a vida a fazer deles?

3 comentários:

pinguim disse...

O que me fizeste recordar...
Recordar é viver!
Abraço.

Special K disse...

É triste mas é verdade, já perdi o rasto a quase todos.
Um abraço.

socrates dasilva disse...

pinguim,
estamos em sintonia. sou um nostálgico militante.
abraço

special k,
como dizia a mafalda: "Quem é que a vida se julga ser para nos pregar estas partidas?"
abraço