quinta-feira, 26 de março de 2009

Memorial I







7 comentários:

Daniel Silva disse...

pensamento e foto muito bem adequados. gostei muito de ler.

Tens andado muito desaparecido, amigo.

Ja sentia a tua falta.

Um grande abraço

Ophiuchus disse...

Da renascença, um renascer!
In memorian - do que foste!

Abraço fraterno.

Socrates daSilva disse...

Daniel,
Bem hajas pela simpatia.
Vai-se fazendo o que se pode e o que a vida deixa...

Abraço!


Ophiuchus,
Não é afinal toda esta coisa que chamamos de vida um constante ciclo de morte e vida e vice-versa?

Abraço!

free_soul disse...

Pensamento forte e verdadeiro... gostei...até porque neste momento precisava de algo que me fizesse ver a morte assim...
um beijo

Socrates daSilva disse...

Free_soul,
Ainda bem que gostaste da partilha...

Bjs

No Limite do Oceano disse...

Essa frase troca as voltas ao "sentido" que a vida leva.

Muito interessante. Nas pequenas frases encontram-me páginas de pensamentos para serem sentidos.

*Hugs n' smiles*
Carlos

Socrates daSilva disse...

Carlos,

O Saramago tem todo o crédito por esta interessante perspectiva.
Quantas vezes "morremos" para renascer...
Como dizes: são páginas encerradas em pequenas frases.

Abraço!